IV Jornada Interdisciplinar de Pesquisa em Teologia e Humanidades
article

IV Jornada Interdisciplinar de Pesquisa em Teologia e Humanidades, v.2, n.2, 2013.

PATERNIDADE E MATERNIDADE NA ADOLESCÊNCIA:TRANSFORMAÇÕES SIGNIFICATIVAS PARA A VIDA FUTURA


ROSELI KOPCZYNSKI
CLÉLIA PERETTI

A adolescência é uma fase de transição entre a infância e a vida adulta. Nessa fase ocorrem transformações psicofísicas na biografia dos adolescentes. Uma das preocupações mais frequentes nesta faixa etária é com a questão da paternidade e maternidade precoce. A gestação antecipada traz muitas vezes riscos para de saúde da mãe e do filho, bem como, interfere no crescimento pessoal e profissional. O estudo buscou refleti sobre o conceito de paternidade/maternidade entre os adolescentes e seus principais desdobramentos na condição de jovens pais/mães. Com relação à paternidade e a maternidade na adolescência considerada até a pouco tempo atrás como um acontecimento habitual, hoje é motivo de preocupação, pois envolve não apenas os aspectos biológicos, mas também aspectos relacionados à saúde do adolescente, emocionais, econômicos e de convivência familiar e social. No desenvolvimento da pesquisa percebeu-se que experiência da parentalidade é marcada por um diferencial de gênero nos percursos juvenis, a paternidade impõe um abalo menor nas trajetórias masculinas do que a maternidade sobre as femininas. Outro aspecto relevante são os (re) arranjos familiares deflagrados pela gravidez na adolescência, seu impacto sobre a vida social e afetiva dos jovens, que em muitos casos não tem o apoio necessário durante a gestação e a maternidade, seja por parte do parceiro, como também da própria família.


Palavras-chave: Gravidez na adolescência. Juventude. Relações de gênero. Paternidade e Maternidade





Texto completo em PDF