V Congresso ANPTECRE
article

V Congresso ANPTECRE, v.5, 2015.

O ENSINO RELIGIOSO EM DUAS ESCOLAS CONFESSIONAIS DE JOÃO PESSOA NA PARAÍBA – UMA ANÁLISE DE CAUSA ENTRE A TEORIA E A PRÁTICA.


Daniel Marcos Gomes de Lelis
Fernanda Santos do Nascimento

O Ensino Religioso nas escolas confessionais pouco tem sido tema de pesquisas em nível de pós-graduação no Brasil, de modo que estas caminham a passos lentos, e a relação entre Ensino Religioso e escolas confessionais é um fator ainda quase que desconhecido. Tendo em vista que a escola privada tem autonomia e ideologia específica, o Ensino Religioso em sua grade curricular pode servir como confissão de fé, ainda que, cabe a esta instituição o respeito à diversidade religiosa. Assim, é estritamente importante os estudos que venha dar visibilidade a essa questão, pois se trata de uma área de conhecimento que assume papel importante na formação humana. Assim, a presente pesquisa tem como objetivo analisar a disciplina de Ensino Religioso e sua abordagem em duas instituições de ensino confessionais da rede privada do município de João Pessoa no Estado da Paraíba. A metodologia adotada dar-se-á pela pesquisa exploratória e a descritiva, que segundo Gil este modelo de pesquisa possibilita maior familiaridade com o problema. (GIL, 1995, p. 44). Por sua vez, a pesquisa descritiva, consiste na descrição das características de determinada população, fenômeno ou estabelecimentos de relações entre as variáveis (Gil, 1995, p. 45). Para Triviños (1997), o estudo descritivo é uma excelente forma de se conhecer a realidade. Como instrumentos metodológicos foi utilizado entrevistas estruturadas e observação. Fazer a análise a que se propõe esse estudo, é necessário o aprofundamento do estudo de forma que se possa conhecer o conteúdo programático da disciplina, a formação do profissional do Ensino Religioso, bem como questões de ordens metodológicas. Destarte, o Ensino Religioso nessas instituições de acordo com as coordenadoras não é o ensino da religião que a escola professa, pois este especificamente é uma atividade extracurricular, que acontece em dias não letivos para aqueles alunos cujo pais manifestem interesse. Nesse sentido, não há divergências entre os modelos apresentados pelos pesquisados, de maneira que nas duas instituições o Ensino Religioso assume o ecumenismo como modelo adotado. Logo, esta pesquisa é de grande relevância, pois possibilita a compreensão em torno do Ensino Religioso nas escolas confessionais, provocando estudos mais minuciosos sobre a temática, de modo que, se problematize as nuances entre o Ensino Religioso na instituição pública e privada. Pois esta área de saber lida com conhecimentos de fundamental importância para a formação dos sujeitos.


Palavras-chave: Ensino Religioso ; Escolas confessionais ; Pluralidade religiosa





Texto completo em PDF